Bem Vindos!!!!!

Bem vindos queridos amigos e leitores! não reparem muito pois o Blog é novo e agora que me adentrei neste mundo tão virtual quanto a nossa propria realidade.
Criei este Blog amador com finalidade e objetivo de discutir principalmente o Jornalismo nosso de cada dia, todos os percausos e maravilhas desta profissão tão apaixonante.
Mas não se impressionem se forem abordados temas que fogem um pouco o tema Jornalismo.
No mais sejam bem vindos e lembrem-se:

"Se você é capaz de sonhar, é capaz de fazer."

Uma ótima leitura!
Até mais!

Josimar Melo


terça-feira, 25 de outubro de 2011

Aged reúne chefes de unidades regionais para 2º etapa da Campanha contra Febre Aftosa

Com inicio dia 14 de novembro e término 14 de dezembro, a 2º etapa campanha irá abranger novamente todos os 217 municípios com o objetivo de elevar a classificação do estado para “Zona Livre” da febre aftosa.


A Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged) reuniu, na quarta-feira (20), seus chefes regionais, na Superintendência Federal da Agricultura no Maranhão (SFA-MA), para discutir planejamentos e metas para superar os resultados obtidos na primeira etapa da campanha contra febre aftosa no estado.
No encontro, o diretor-geral da Aged, Fernando Lima, destacou o trabalho realizado pela Agência, que recebeu a melhor nota de avaliação na auditoria que o Ministério da Agricultura, Pecuária e Pesca (Mapa) realizou em sete estados da Região Nordeste e o leste do Pará, no que se refere à qualidade dos serviços veterinários, principalmente, no combate à febre aftosa. "Estamos com uma grande expectativa, pois na primeira etapa, realizada de maio a junho deste ano, tivemos o maior índice de cobertura vacinal dos últimos 10 anos com 96,56%. Nosso desafio é repetir ou superar este índice", destacou Fernando Lima.
Para isso, o diretor da Aged ressaltou a importância da organização administrativa e trabalho em conjunto entre as 18 unidades regionais e 79 unidades veterinárias locais (UVLs). "É importante trabalharmos padronizados, visando sempre a excelência na gestão pública para garantirmos o desenvolvimento agropecuário no Maranhão", disse.
Ações de conscientização educacional serão realizadas nos municípios visando sensibilizar criadores, proprietários rurais, sindicatos, associações e escolas sobre a importância da saúde dos animais e a participação de todos os cidadãos nas ações de defesa sanitária.
Conseguindo a classificação para zona livre da febre aftosa, o estado abrirá novos mercados consumidores para a pecuária maranhense. Atualmente, o Maranhão só pode comercializar a carne para os estados que possuem a mesma classificação sanitária.

Nenhum comentário: